Guaraná Príncipe Negro

 
A imagem acima é do guaraná: Príncipe Negro, produzido em Barbacena, MG, Brasil.

Eu sempre gostei de viajar. Mas ‘viajar de verdade’ pode acontecer de várias maneiras (meios). O que realmente importa é transcender os próprios limites. Sejam eles quais forem.

Em 2004, depois de desenvolver um projeto entre Paris e Marnay(Nogent), ao norte da França, fui para o sul do país, já em 2005, expor minha produção. Três meses de muito trabalho e algumas viagens depois: Espanha e Portugal, e percebi que sentia uma imensa falta do guaraná brasileiro. 

É provável que este meu desejo tenha se intensificado por que na época eu namorava um francês  que gosta tanto do nosso guaraná que simplesmente não entendia por que o brasileiro bebe coca-cola.

No que argumentei: o brasileiro e o resto do mundo. No nosso caso, que é tudo que eu posso ensaiar justificar: fomos e ainda somos orientados como uma ‘província consumidora’ dos EUA. Mas parece que isso começou a mudar na medida em que crescemos em todos os sentidos. Por mais que nossa bandeira defenda: Ordem e Progresso, o Brasil é o Caos In Natura. E talvez esta característica seja uma de nossas maiores riquezas.

Até movimento pró guaraná brasileiro a gente arquitetava em plena França.

Além do refrigerante de guaraná, podemos produzir suco ou drinks, com ou sem álcool. O suco é delicioso! Basta comprar o xarope de guaraná e colocar um ou dois dedos num copo, preenchendo o resto da superfície com água. No verão é um verdadeiro bálsamo tomá-lo bem geladinho. Pode-se acrescentar algumas gotas de limão que é altamente refrescante, além de ajudar a equilibrar o doce do açúcar mascavo. Geralmente o xarope é vendido adoçado. Eu particularmente não dispenso o limão, acho o açúcar excessivo.

Quanto a ausência do guaraná na França, até delírio olfaltivo eu tive.  As vezes sentia seu aroma.. Ou pensava que sentia. Já calculou uma impressão? Seu grau de realidade? Eu vivo fazendo isso por ofício ou vício de criação. Mas não é fácil não! Preferia uma máquina que me auxiliasse. Eu acho… De certo os japas devem ter pensado na mesma coisa e a produção em série não tardará.

Enfim, passamos a conseguir guaraná brasileiro em um restaurante de amigos que importavam produtos da terrinha. Nossa! Era tudo de bom abrir a garrafa e sentir aquele aroma borbulhante antes de sorver seu gosto, ainda mais sedutor. Alí constatei: 50% de meu desejo estava no aroma.

Divido com vocês a imagem deste guaraná de Barbacena que me deu água na boca.

Anúncios

Tags: , , , , ,

11 Respostas to “Guaraná Príncipe Negro”

  1. Carlão Azul Says:

    Esse é o melhor refrigerante de guaraná que existe, uma verdadeira delícia.

    Já bebi muitas garrafas. Moro em Barbacena.

  2. Marcelo Says:

    Classe A! Fui em Babacena no começo desse ano e experimentei o PN, Moro no RS!

  3. Andreaha San Says:

    Tanta coisa que não conhecemos no nosso país! Deviamos investir mais em feiras interestaduais para conhecer as produções brasileiras.

    Esse guaraná me deu água na boca!

  4. Carolina Says:

    Boa noite, estava vindo do Rio para BH e tomei desse guaraná que achei o máximo, gostaria de saber onde é a fábrica dele na cidade de Barbacena? Se alguém puder passar o endereço eu agradeço.

  5. Andrea Says:

    Carolina

    Na garrafa diz: Rua Gonçalves Dias, 21 Centro. Barbacena MG. tel (32) 3331-8279.

  6. Claudio Gonçalves Says:

    Esse telefone confere e o endereço é esse mesmo. Fica próximo ao centro da cidade, fácil de encontrar. Tem o telefone de gente ligada a fábrica também 32-3331-5631 (acho que é casa do irmão do proprietário da fábrica).
    Êita guaranazinho gostoso esse. Nunca tomei um melhor.

  7. Tem coisas no Brasil e do Brasil que os próprios brasileiros desconhecem… (Infelizmente) « Psicossocial COMSEANS Says:

    […] Guaraná Príncipe Negro « Globalaio. […]

  8. Max aleksander Paiva Valim Says:

    Será que consigo revender em minha cidade ??? Sou Carioca , mas moro em Betim e sempre que passo em barbacena tenho q parar para tomar esse danado, é uma delícia….será que eles tem site ???

  9. Ubirajara Ferreira Says:

    É o melhor refrigerante que já bebi. Pena que não tem em garrafas PET, e não tenha em Belo Horizonte.
    Falta este refrigerante nas mesas e nas gôndolas dos super mercados de BH.

  10. Maurilo Bruno de Souza Says:

    ótimo, já faz mais de 45 anos que sempre que posso tomo este guaraná´, faz parte da minha história de 50 anos ,o sabor é diferente dos demais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: