Archive for the ‘Consumo Consciente’ Category

Casa do Crudívoro

dezembro 12, 2008
Casa do Crudivoro

Casa do Crudívoro

Embora a palavra revolução geralmente deixa de ter sentido, quando se ultrapassa os primeiros 20 anos de vida, o que realmente me parece contribuir com a sua derrocada é a submissão aos sistemas sócio-políticos com a qual a sociedade se ‘orienta’. E isso independe de idade, mas fundamentalmente é uma questão de : consciência e filosofia de vida. Por trás das quais estão: a formação estrutural do indivíduo e seus anseios mais profundos.

Ou você quer ser incorporado pela cultura social e por ela modela uma personalidade, empreende seu suor, sangue e espírito em troca de um espaço ‘bem condicionado’. Ou você quer ser o que é e por isso empreende seu suor, sangue e espírito sem concessões, sem negociatas, sem passar por cima de ninguém, muito pelo contrário, encontrando pouco a pouco durante a vida, raros parceiros afins. Mas sofre por durante um longo período estar só. Sofre por não ser compreendido, sofre por parecer miserável enquanto você está promovendo a mais justa das causas, aquela que vai fazer de você alguém de verdade.

A sociedade se move por preconceitos. E assim se constrói, doa a quem doer.

Por que menciono tais palavras num post sobre a Casa do Crudívoro?

Por que existe um imenso potencial revolucionário na cultura crudívora. E este potencial está diretamente relacionado a indústria alimentícia e da saúde, especialmente a farmacêutica. Quem se alimenta de crus, em geral, possui uma qualidade de vida muito maior do que quem ingere comida cozida, assada ou frita. O alimento cru funciona em sua potência máxima proporcionando ao organismo ‘em condição real’ tudo o que precisamos. Neste caso a alimentação natural sustenta o corpo físico de maneira íntegral. Mais do que alimento, ingere-se remédios vivos, naturais…

Já imaginaram a economia em termos de : médicos, farmácia e alimentação processada artificialmente?

Posso garantir que a economia é enorme, que se emagrece naturalmente e que a constituição física acrescida de exercícios físicos regulares – mas nada excessivos – proporciona condições integrais ao corpo humano. 

Já repararam na silhueta esguia da grande maioria dos japoneses? O japonês é o povo que mais vive na face da Terra. E assim como alguns franceses que ingerem pequenas doses de vinho tinto diariamente, possuem a menor incidência de problemas cardíacos do mundo.  

Assim como eu, os japoneses não fazem uma dieta 100% crua, investem muito no ômega existente nos peixes crus, não utilizam a manteiga como base da culinária, mas molhos e temperos com base em : soja, ameixa, dashi (caldo de peixe) e algas dentre outros. Ao invés de pão, arroz (de minha parte integral), comem regularmente: rabanete, nabo e beringela. Na dieta japonesa raramente se utiliza: carne vermelha, açúcar, manteiga e gordura animal, já na dieta americana é justamente ao contrário… Assim como as vacas que ingerem cálcio vegetal diretamente do capim, eu o incorporo do suco verde (ou da luz) – receita publicada tempos atrás aqui no blog. Em 6 meses  de suco matinal 5 vezes na semana mudei o aspecto de minha pele radicalmente e emagreci naturalmente sem grandes esforços.

Este ainda é um exemplo ‘mais ou menos’ , um exemplo para intermediar a mudança de hábito que é realmente radical. Uma perspectiva ainda distante dos enormes benefícios de quem apenas come comida crua. Citei este exemplo porque é o que mais se aproxima de minha dieta atual.

O melhor seria que vocês absorvessem conteúdo diretamente do site da alimentação crudívora, através do banner ao lado ou do link na categoria sites. Eles possuem inúmeros exemplos sobre a cultura, como livros, videos, entrevistas, casos, instrumental, receitas, cursos e workshops.

Tenho a satisfação de comunicar que a partir de hoje a Casa do Crudívoro é parceira do Globalaio. Estamos aqui também para auxiliar na disseminação desta cultura riquíssima, que poderá revolucionar os hábitos de nossa sociedade, baseada numa filosofia de vida natural, purificadora, reestruturadora, simples e muito econômica.

Anúncios

Tortas com Germinados

novembro 7, 2008

Torta Vienense

Germinados:

Amêndoas  germinadas
Ingredientes:

ameixas preta sem caroço;

maçãs cortadas bem fininhas;
raspas de limão;
canela em pó;
passas hidratadas;
damasco hidratado liquidificado
morangos ou cerejas

Massa:

Moer as amêndoas com as ameixas formando uma massa e com ela modelar um vazio para receber o recheio .

Recheio:

Maçã ,  passas, as raspas de limão e a canela, tudo a gosto. Rechear a torta.

Cobertura:

Cobrir a torta com o creme de damasco hidratado batendo-o no liquidificador.

Enfeitar com as cerejas ou os morangos.

  


Variações da Torta Vienense

Germinado:

Amendoim  germinado
Ingredientes:

ameixas preta sem caroço;

maçãs cortadas bem fininhas;
raspas de limão;
canela em pó;
passas desidratadas;
mangas
uvas

Massa:

Moer o amendoim com as ameixas formando uma massa e com ela modelar um vazio para receber o recheio .

Recheio:

Maçãs, passas, as raspas de limão e a canela, tudo a gosto.Completar o vazio modelado.

Cobertura:

Cobrir com manga liquidificada e peneirada na panela furada número 3.

Decorar com uvas verdes e pretas.


Mousse de Morango no Mamão

Germinado:

Amendoim e linhaça

Ingredientes:

Coco

Morangos

Passas brancas

Canela

Raspa limão

Manga

Mamão papaia

Creme:

Moer o amendoim germinado com coco , morangos, passas hidratadas, canela , limão.

Modo de servir:

Servir  em meio mamão papaia sem caroço, com detalhe de linhaça e tiras de manga amarelas rodeando morango no centro da bola cor de rosa.


Barq uetes de Tangerin a

Germinados:

Gergelim preto

Ingredientes:

Tangerina pokan

Abacate

Abacaxi

Manga

Morango

Creme:

Abacate liquefeito com abacaxi

Modo de fazer:

Partir a tangerina no sentido transversal, retirar os gomos que estão partidos ao meio, encher as barquetes de casca de tangerina com o creme, voltar com os gomos fazendo pétalas, detalhes de fios amarelos das mangas em tiras, dos morangos e do gergelim preto germinado.


Torta da baba do Conde

Germinados:

Pinhão

Ingredientes:

Figo seco

Pêra madura

Fruta de Conde

Limão

Uva passa

Coco

Massa:

Moer o pinhão descascado com os figos formando uma massa e com ela modelar um vazio para receber o recheio .

Recheio:

Espreme a fruta de conde na panela furada número 1. Corte pêra em fatias finas e intercale com o creme de fruta de conde até encher o vazio.

Cobertura:

Coco  ralado com raspa de limão enfeitado com uva passa hidratada e bolinhas feitas com o bagaço da fruta de conde com cravo espetado no centro.


Torta  de abacaxi com côco

Germinado:

Amendoim  e  linhaça germinados separados

Ingredientes:

Abacaxi

Coco

Passas pretas

Manga

Morango

Limão

Massa:

Moer o amendoim germinado com linhaça e passas lavadas , raspas de limão  formando uma massa e com ela modelar um vazio para receber o recheio .

Recheio:

Picar o abacaxi em lâminas finas, deixar escorrer o excesso de líquido, misturar com coco ralado .Completar o vazio modelado

Cobertura:

Creme de manga liquefeito e peneirado na panela furada número 3. Cobre a torta e enfeita com morangos.


Torta de banana

Germinado:

Amendoim , amêndoas e linhaça germinados

Ingredientes:

Tâmara desidratada

Banana dágua madura

Banana prata ainda bem dura

Limão

Canela

Caqui

Coco

Mamão ou abacate

Massa:

Moer o amendoim germinado com amêndoas , as tâmaras e raspas da casca do limão formando uma massa e com ela modelar um vazio para receber o recheio .

Recheio:

Liquidificar banana prata  com caldo de limão e canela. Misturar com as bananas maduras o mamão ou o abacate cortados em fatias. Completar o vazio modelado.

Cobertura:

Creme de caqui  peneirado na panela furada número 3. Cobre a torta e enfeita com linhaça germinada e coco .

Receitas da Ana Branco

Alimento Vivo: Sopas Amornadas

outubro 16, 2008

Sopa de Aveia em Grão:
1 chávena de aveia em grão hidratada;
½ litro de água mineral;
1 cenoura picadinha;
1 pedaço de abóbora;
2 chuchus picadinhos;
Coentro e cebolinha, picados fininho;
Alho porro picadinho;
Para temperar: miso e azeite extra-virgem.
Modo de preparar:
Bater a aveia com água no liquidificador. Em seguida misturar com a cenoura, a abóbora e os chuchus. Temperar com miso (dissolvido) e amornar em fogo brando. No final adicionar o azeite e acrescentar o cheiro verde.

Miso Shiro:
½ litro de água mineral;
5g de alga hijiki hidratada;
1 cenoura picadinha;
1 pedaço de nabo picadinho;
250g de tofu (queijo de soja) em cubinhos;
Cebolinha, salsa, alho porro,miso.
Modo de preparar:
Dissolva o miso na água e acrescente a cenoura, o nabo, a alga hijiki e o tofu. Coloque para amornar em fogo brando. Por último misture as ervas.

Pão Essênio
É possível fazer pão sem ser cozido a partir de rebentos de cereais biológicos.
O pão dos essénios é feito a partir de cereais germinados, moídos.
Ingredientes
3 copos de trigo
3 copos de água a cobrir
Modo de preparar:
1 -Lava o trigo em água fresca, drena e submerge as bagas com mais água fresca numa bacia grande. Cubra a bacia com uma placa ou um pano, por aproximadamente 12 horas. As bagas embeberão uma quantidade considerável de água. Drene as bagas num coador, cubra o coador com uma placa (prato) para impedir que as bagas sequem, e coloque num lugar ausente de luz e longe do sol. Enxagúe as bagas aproximadamente 3 vezes ao dia, e começarão a rebentar. Num par de dias os rebentos alcançarão o seu comprimento ideal . O crescimento depende da humidade e da temperatura seja assim paciente.
2 -Moa num moinho ou num processador de alimentos.
3 -Após moer, despeje a mistura numa superfície de trabalho limpa. Esprema e amasse o grão por aproximadamente 10 minutos, e dê a forma então de 2 círculos pequenos, com suas mãos. Polvilhe uma folha de papel vegetal com pouco de farelo, e ponha os pães sobre ele.
4 -Coza-os a 45 graus no forno ou ao sol. Pré-aquecer o forno não é necessário. 
 

Fonte: – Ros´Ellis Maior Moraes -Nutricionista – www.aldomon.com

Alimento Vivo: Molhos, Massas e Maioneses

outubro 16, 2008

Tahine com miso:
3 colheres de sopa de tahine cru;
1 colher de sopa de miso;
Cebolinha, salsa e hortelã.
Modo de preparar:
Misture o miso e o tahine com a cebolinha, a salsa e o hortelã, picadinhos. Acrescente colheres de água mineral e bata até formar um creme.

 

Humus Tahine:
1 chávena de rebentos de grão de bico;
1 colher de sopa de tahine;
Para temperar: azeite extra-virgem, alho e sal marinho.
Modo de preparar:
Bata no liquidificador todos os ingredientes e está pronto!

 

Pasta de rebentos de Grão de Bico:
2 chávenas de rebentos de grão de bico;
1 dente de alho;
1 colher de sopa de azeite extra-virgem;
½ chávena de água;
1 colher de sopa de sumo de limão;
Sal marinho, molho de soja, óregãos e cominhos, etc…
Modo de Preparar:
Bater todos os ingredientes no liquidificador.

 

Patê de Gergelim com Ervas:
½ chávena de gergelim hidratado;
½ chávena de água mineral;
Cebolinha, salsa, mangericão, alecrim;
Sal marinho e limão a gosto
Modo de preparar
Bata primeiro o gergelim com a água até virar um creme e adicione os temperos.

 

Patê de Cenoura:
3 cenouras cruas;
1 fatia de cebola de cabeça;
Cebolinha e salsa;
1 colher de azeite extra-virgem;
Sal marinho e limão a gosto.
Modo de preparar:
Bater tudo no liquidificador: primeiro a cenoura, temperos e em seguida adicionar o azeite.
Até estar no ponto.

 

Patê de Abacate:
1 abacate maduro;
½ colher de sopa de agar-agar;
Cebolhinha, salsa;
Para temperar: 1 colher de sopa de azeite extra virgem, ½ limão e sal marinho
Modo de preparar:
Dissolver a gelatina em meio copo de água, despeje-a numa panela levando ao fogo brando, ainda quente, bater no liquidificador com o abacate e os temperos.

 

Patê de Tofu:
½ bloco de tofu;
1 beterraba pequena;
1 cenoura ralada;
cheiro verde;
Para temperar: 2 colheres de azeite extra-virgem, molho de soja e sal marinho.
Modo de preparar:
Bata no liquidificador o tofu com a beterraba, a cenoura, o cheiro verde e os temperos.

 

Molho de rebentos:
1 chávena de rebentos de rabanete;
1 chávena de tofu;
manjericão, caril em pó, azeite extra -virgem e molho de soja.
Modo de preparar:
Bata no liquidificador. Se estiver muito pastoso, acrescente um pouco de água ou caldo de legumes.

 

Molho de Abacate e rebentos:
1 chávena de rebentos de feijão;
1 abacate maduro;
100g de tofu batido no liquidificador com uma colher de sopa de azeite e molho de soja (ou sal).
Modo de preparar:
Amasse o abacate, junte o tofu, o molho de soja (ou sal). Bata bem, esse molho pode ser usado em recheios de sanduíches, canapés. 

 

Alimento Vivo: Mandala de Frutas e Cremes

outubro 16, 2008


MANDALAS DE FRUTAS

São preparadas com frutas cortadas e arrumadas num prato em forma de mandalas. As frutas devem ser escolhidas, considerando a nossa atração por elas e combinando-as de forma compatível. Na montagem das mandalas podemos usar cremes que são sugeridos a seguir (leve em consideração a sua criatividade):

Sugestões de Cremes:

Creme de Abacate:
½ abacate.
Modo de preparar:
Descascar o abacate, tirar a semente e amassar para ficar cremoso.

Manga com Gergelim:
¼ chávena de semente gergelim hidratado ou germinado;
¼ copo ( 50ml) de água mineral;
1 manga descascada e picada;
½ colher de chá de sumo de gengibre ralado.
Modo de preparar:
Bater o gergelim com a água no liquidificador e coar. Bater o leite de gergelim com a manga e o gengibre até ficar cremoso.

Mamão com Nozes:
200g de mamão;
6 nozes hidratadas.
Modo de preparar:
Bater no liquidificador as nozes com o mamão para fazer o creme. Se precisar, use um pouco de água mineral.

Trigo Sarraceno com Tâmaras:
½ chávena de trigo sarraceno hidratado ou germinado;
1 colher de sopa de linhaça hidratada ou germinada;
6 castanhas do pará hidratadas;
6 tâmaras;
água mineral, o suficiente.
Modo de preparar:
Bater no liquidificador todos os ingredientes até a mistura ficar cremosa.

Creme de Aveia em Grão:
½ chávena de aveia em grão hidratada;
6 castanhas do pará hidratada;
6 tâmaras;
água mineral, o suficiente.
Modo de preparar:
Bater todos os ingredientes no liquidificador até a mistura ficar cremosa.
Obs.: Estes cremes podem ser utilizados nas preparações das mandalas ou para comer com frutas frescas picadas.

Amêndoas com Damasco:
6 damascos hidratados;
¼ chávena de amêndoas hidratadas e sem pele;
½ copo (100 ml) de água mineral.
Modo de preparar:
Bater todos ingredientes no liquidificador.

Leite de Girassol com Banana:
1 copo (200ml) de leite de girassol;
3 bananas (ou maçã).
Modo de preparar:
Bater todos ingredientes no liquidificador.

Manga com Leite de Gergelim:
1 manga descascada e picada;
1 copo (200ml) de leite de gergelim.
Modo de preparar:
Bater todos os ingredientes no liquidificador.

Alimento Vivo : Leites

outubro 16, 2008

Leite de Girassol:
½ chávena de semente de girassol hidratada ou germinada;
1 copo (200ml) de água mineral. ( água de coco )
Modo de preparar:
Bater no liquidificador a sementes com água e coar.

Leite de Gergelim:
¼ chávena de semente de gergelim hidratado ou germinado;
1 copo (200ml) de água mineral, ou água de coco
Modo de preparar:
Bater no liquidificador as sementes com a água e coar.

Leite de Amêndoas:
12 à 20 amêndoas hidratadas sem pele;
1 copo (200ml) de água mineral, água de coco
Modo de preparar:
Bater as amêndoas com água no liquidificador.

Leite de Amêndoas Amornado:
Leite de amêndoas;
Mel para adoçar;
1 colher de café de canela em pó;
½ colher de café de sumo gengibre ralado.
Modo de preparar:
Misturar os ingredientes e amornar na temperatura do corpo.

Leite de rebentos de Soja:
1/2 chávena de rebentos de soja;
1 copo (200ml) de água mineral.
Modo de preparar:
Bater no liquidificador com a água e coar.

Receitas de Alimento Vivo

setembro 6, 2008

A professora de artes Ana Branco e a cientista Conceição Trucom, dão a dica das receitinhas para o desenvolvimento do Alimento Vivo. O interessante é perceber que este tipo de alimento nos fornece energia direto da fonte com inúmeras propriedades que jamais absorvemos na maior parte dos alimentos que comemos pelo simples fato deles irem ao fogo: cozidos, assados, fritos. Independente da maneira, se for ao fogo sempre se perde.

O alimento vivo é usado como fonte de saúde e mantenedor da energia vital. Contribui como remédio natural para todo o tipo de patologia, reintegrando o ser ao ambiente. É uma cultura riquíssima que começa a prosperar no Brasil, país com todos os requisitos para fazer desta prática um exemplo de filosofia de vida.

Abaixo transcrevo com permissão, receitas e fontes da informação. Bom proveito!

RECEITAS da Alimentação Crua e Viva

1. GERMINANDO GRÃOS – preparo em geral
– Coloque de uma a três colheres (sopa) de grãos num vidro e cubra com água filtrada.
– Deixe de molho por 8 a 12 horas – varia para cada semente. Ver abaixo.
– Cubra a boca do vidro com um pedaço de filó e prenda com um elástico.
– Despeje a água em que os grãos ficaram de molho e enxague bem os grãos sob a torneira.
– Coloque o vidro inclinado (45 graus) e emborcado num escorredor, num lugar sombreado e fresco.
– Enxague pela manhã e à noite. Em dias quentes é preciso lavar 3 ou mais vezes.
– O tempo de germinação varia de acordo com o grão, temperatura etc. Em geral, estão com sua potência máxima logo que sinalizam, assim que põem a “cabecinha branca” para fora. Então estão prontos para serem consumidos.

Trigo, grão-de-bico, amendoim, lentilha e girassol: coloque as sementes de molho em água filtrada por 6-9 horas. Em 3 dias estarão germinadas e prontas para consumo.

Alfafa: coloque as sementes em um vidro por 4 horas de molho em água. Em 5 a 8 dias estarão germinadas e prontas para consumo.

Gergelim e linhaça: coloque as sementes em um vidro por 4 horas (ou durante a noite) de molho em água (1 parte de semente para 4 partes de água). Estará pronta para fazer leite, pasta ou usar em receitas de sucos desintoxicantes.

Castanha do Pará e Noz: coloque as sementes em um vidro por 24 horas de molho em água e estarão prontas para consumo.

Amêndoa e Avelã: coloque as sementes em um vidro por 12 horas de molho em água e estarão prontas para consumo.

2. FERMENTADOS
Rejuvelac: é uma bebida tônica preparada a partir de trigo em germinação. É rica em enzimas e muitos nutrientes. Devem tomar o Rejuvelac as pessoas saudáveis e as doentes, crianças e adultos. Diabéticos podem tomar pequenas quantidades em forma diluída. Rejuvelac é um excelente tônico para todo o organismo, particularmente os intestinos e o cólon. Sua riqueza em enzimas, após consumo continuado, repõe uma flora intestinal saudável. Principalmente a que se perde devido ao consumo de antibióticos. Os antibióticos não têm inteligência que discrimine entre as bactérias “inimigas” e as “amigas” que são necessárias à nossa sobrevivência.

Preparo: é feito em casa, a partir do grão de trigo integral, não polido.
a) Lave uma xícara de grão de trigo inteiro e coloque em um frasco de vidro..
b) Acrescente 5 xícaras de água filtrada.
c) Deixe em repouso por 48 horas.
d) Após 48 horas, coe o líquido para outra jarra. Este líquido é o Rejuvelac. Adicione 2 colheres (sopa) de mel e guarde na geladeira. Na hora de consumir acrescente suco fresco de 1/2 limão/copo.
e) Volte os grãos que ficaram sobre a peneira para o vidro e adicione + 5 xícaras de água filtrada.
f) Neste segundo preparo deixe em repouso por somente 24 horas.
g) Coe o Rejuvelac e proceda como na etapa (d).
h) Se desejar, prepare uma terceira (e última) extração colocando sobre os grãos + 5 xícaras de água filtrada.
i) Deixe em repouso por 24 horas.
j) Coe o Rejuvelac e proceda como na etapa (d). O trigo remanescente pode ser jogado fora ou use como um bom adubo para os vasos.

Nota: a princípio pode-se sentir um cheiro “azedo”, mas quando se adiciona suco de limão ele desaparece. A nutrição que o Rejuvelac provê vale a hesitação inicial que se possa ter em bebê-lo.

Vegi-kraut: conserva feita por fermentação natural, rica em enzimas, lactobacilos e vitaminas. Bata no processador 1 xícara (chá) de beterraba crua + 1 xícara (chá) de cenoura crua + 1 xícara (chá) de repolho cru. Processe até obter uma massa uniforme. Separe algumas folhas do repolho para cobrir a massa obtida. Coloque em um vidro e tampe. Deixe fermentar por 3 a 5 dias. Use no preparo de saladas e pratos salgados.

3. LEITES E IOGURTES DE GERMINADOS
Leite de trigo: pode ser preparado a partir de um trigo germinado de 3 dias (conforme acima) batido no liquidificador com água na proporção de 1 parte de germinado para 1 de água. Coe e está pronto para o consumo puro ou no preparo de vitaminas.

Pão de trigo: Adicione banana amassada à massa resultante do preparo do leite de trigo e misture. Coloque colheradas sobre um pirex e leve para desidratar ao sol (cobrindo com um filó) por cerca de 1 a 3 dias.
Na versão salgada adicione missô e ervas ou gengibre ralado.

Leite de amêndoas: prepare o germinado de amêndoa conforme indicado acima. Bata no liquidificador colocando água aos poucos até que fique um leite cremoso.

Leite de gergelim: ½ xícara (chá) de semente de gergelim germinada conforme indicado acima + 1 xícara (chá) de água mineral. Bata tudo no liquidificador e coe.

Vitamina de maçã e gergelim:
1 xícara (chá) de leite de gergelim + 1 maçã descascada e picada + canela em pó a gosto + folhas secas de estévia (opcional).

Leite de coco: nada mais simples do que bater no liquidificador a água do coco com sua própria polpa. Não acrescente mais nada e delicie-se! Você pode ainda acrescentar fermento BioRich e preparar um delicioso iogurte natural de coco.

Imitação de chocolate: ¼ xícara (chá) de leite de amêndoas + ½ xícara (chá) de tâmaras + 1 coco verde (carne e água) + 2 colheres (sopa) de alfarroba em pó. Passe no liquidificador. Sirva gelado.

Vitamina cremosa:
1 xícara (chá) da sua fruta favorita + 1 xícara (chá) de Rejuvelac ou leite de trigo + 1 beterraba (crua) pequena + 2 colheres (sopa) de girassol germinado. Bata tudo no liquidificador e coe. Sirva imediatamente.

Vitamina de manga: 2 laranjas (descascadas) + 1 manga em cubos congelada (ou outra fruta congelada). Passe no liquidificador até ficar cremoso. Para facilitar coloque as laranjas primeiro e depois a manga. Decore com morangos frescos e amendoim germinado e triturado.

Bebida energética: misture 2 colheres (sopa) de pasta de gergelim germinado + 1 xícara (chá) de Rejuvelac + 1 colher (chá) de mel + gotas de limão.

Mingau de Aveia: 1 colher (sopa) de aveia demolhada na véspera + 1 maçã ralada + 1 colher (sopa) de suco fresco de limão + 1 colher (sopa) de uva passa + 1 colher (chá) de casca ralada de limão + 1 castanha do Pará germinada e ralada.  Misture tudo e sirva como desjejum ou lanche. Misture tudo e sirva imediatamente. A maçã pode ser substituída pela fruta da estação de sua preferência.

Iogurte de nozes: coloque 1 xícara de nozes (ou da semente desejada) de molho em água para germinar conforme indicações do item 1. Passe no liquidificador colocando água aos poucos até que fique um creme grosso. Passe na peneira para coar a parte líquida e ponha a massa numa tigela coberta com um pano fino para que o ar possa penetrar. Coloque a tigela num lugar morno e deixe descansar por 6 a 12 horas ou até ficar como um gosto ácido. Este iogurte pode ser feito com gergelim, girassol, com qualquer tipo de nozes ou combinações. Pode-se variar o gosto acrescentando mel, suco de limão, sal marinho, essência natural de baunilha ou outros sabores naturais. Quanto mais tempo o iogurte demorar num lugar morno, mais ácido irá ficar.

Sugestões de combinações para deliciosos iogurtes:
Castanha e gergelim / Castanha, amêndoa e gergelim / Castanha e girassol / Gergelim e amêndoa / Girassol e amêndoa / Pecã e amêndoa / Gergelim e avelã.

4. SOPA
Sopa de energia: bata no liquidificador ½ xícara (chá) de lentilha germinada + ½ xícara (chá) de grão-de-bico germinado + 1 xícara (chá) mamão picado + Rejuvelac. Bata tudo no liquidificador e vá adicionando Rejuvelac até consistência cremosa. Se desejar acrescente abacate e decore com salsa picada.

5. SUCOS
Suco de clorofila: 4 folhas frescas de qualquer tipo de couve (manteiga, repolho, couve-flor, brócolis) + 1 pepino + 3 cenouras + 3 maçãs + suco de 1 limão. Passe o pepino e as maçãs pela centrífuga. Depois as cenouras e as folhas. Acrescente o suco fresco do limão e sirva imediatamente.

Suco de manga: bata no liquidificador 1 xícara (chá) de manga em cubos + 1 xícara (chá) de água de coco + suco de ½ limão + raspas da casca. A manga pode ser substituída por uva, goiaba, abacate ou caqui.

Suco de maçã: bata no liquidificador 1 maçã picada (sem sementes) + 1 colher (sopa) de linhaça germinada + suco de 1 limão + ½ xícara (chá) de água filtrada ou de coco. Sirva imediatamente.

Suco de melancia:
bata no liquidificador 1 xícara (chá) de melancia em cubos (com as sementes) + ramos de hortelã (ou talos de funcho) + suco de 1 limão. Sirva imediatamente.

Suco de abacaxi: bata no liquidificador 3 rodelas de abacaxi picadas (com casca) + 2 colheres (sopa) de girassol germinado + 5 ramos de hortelã. Sirva imediatamente.

Suco de Luz do Sol – Ana Branco: liquidifique um pepino pequeno e uma maçã grande sem sementes. Não coloque água, bata com a ajuda de um socador ou colher de pau (cuidadosamente), para extrair o líquido das hortaliças. Então coe num coador de pano e coloque o líquido de volta no liquidificador. Acrescente o legume e a raiz, que podem ser cenoura, abóbora, maxixe, batata doce, inhame, quiabo, couve-flor, abobrinha, nabo, beterraba, etc. Procure variar as hortaliças e privilegie as da época e produção orgânica. Bata e coe novamente. Acrescente as folhas verdes, que podem ser couve, folha de abóbora, folha de beterraba, folha de cenoura, espinafre, bertalha, chicória etc; quanto mais verde, melhor. Acrescente finalmente os grãos germinados (trigo, girassol, painço, soja, linhaça, gergelim, arroz, amendoim, ervilha etc). Bata tudo, coe no coador de pano e beba imediatamente.

6. SALADAS e PRATOS SALGADOS
Salada verde com brotos de girassol + nabo e cenoura ralados. Molho de alho picado, coentro, shoyu, limão e azeite.

Salada verde com brotos de trigo e batata yakon. Molho de pimentão, tomate, limão, shoyu e azeite.

Molho de salada: 1 xícara (chá) de iogurte de sementes germinadas + 1 colher (sopa) de cebola picada + 1 colher (sopa) de salsa e cebolinha picadas + suco de 1 limão, + 1 pitada de sal. Bata tudo no liquidificador e sirva sobre a salada de folhas e germinados.

Tabule de trigo germinado: germine o trigo conforme item 1. Misture tomate e pepino picadinhos em cubos, manjericão fresco, azeite extra virgem, limão e missô a gosto. Opcional: maçã picada, pimentão, cenoura ou beterraba ralada.

Cenoura com pasta de grão-de-bico: 1 xícara (chá) de grão-de-bico germinado, batido no processador com 1 pitada de sal + 1 colher (sopa) de suco de limão. Acrescente ¼ de cebola picada depois da massa pronta. Rale (em fios longos) 2 cenouras. Junte numa travessa os fios de cenoura com a pasta e sirva acompanhado de salada verde.

Lasanha de berinjela:
prepare uma pasta com 1 xícara (chá) de amendoim + sal + suco de limão + folhas frescas de hortelã pimenta. Descasque 1 berinjela pequena,  fatie em lâminas finas e marine (sal e limão) com as mãos. Monte alternando as camadas com as fatias de berinjela, a pasta de amendoim. Finalize com rodelas de tomate, salsa e cebolinha. Decore com castanha do Pará germinada e ralada e regue um pouco de azeite.

Lentilha com abobrinha: corte uma abobrinha média em fios longos e coloque no prato. Por cima cubra com o seguinte molho. Bata no liquidificador 1 tomate + ½ pimentão vermelho + 1/4 dente de alho + 1colher (chá) de missô + suco de ½ limão + 1 colher (sobremesa) de azeite.

7. PRATOS DOCES
Pudim de banana: 6 bananas nanica (d’água ou caturra) + suco de 1 limão + 1 colher (sopa) de canela em pó + 2 colheres (sopa) de linhaça germinada + 1 pitada de missô. Bata tudo no liquidificador, acertando a textura do pudim com a linhaça. Coloque num refratário e leve à geladeira até a hora de servir.

Flan de frutas cítricas: 3 laranjas pêra + 3 tangerinas bem picadinhas + ½ xícara de uva passa preta hidratada em água de coco + água e polpa de 1 coco verde + suco de 1 limão + 1 pitada de missô. Arrume no fundo de um pirex as frutas cítricas picadinhas. Em separado, bata no liquidificador os demais ingredientes. Jogue por cima das frutas e leve para gelar até a hora de servir. Pode ser usado abacaxi no lugar da laranja e tangerina.

Geléia de uva passa: bata no liquidificador uva passa preta com linhaça germinada até dar o ponto de uma geléia firme. Opções: esta geléia pode ser preparada com qualquer fruta seca.

Docinho de gergelim e nozes: 1 xícara (chá) de fibra de gergelim (que fica no preparo do leite de gergelim) + 1 xícara (chá) de pasta de nozes germinadas + 1 colher (sobremesa) de gengibre ralado + geléia de uva passa para dar a liga. Misture tudo e enrole as bolinhas passando-as em gergelim antes de colocar nas forminhas.

Fontes: www.crudivorismo.com.brsite Ana Brancowww.cozinhaviva.com

Conceição Trucom é química, cientista, palestrante e escritora sobre temas voltados para a alimentação natural, bem-estar e qualidade de vida.

Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citada a autora e a fonte.

Recomenda-se a leitura na íntegra do livro Alimentação Desintoxicante – editora Alaúde, o que possibilitará a prática desta filosofia de vida com consciência e responsabilidade.

Vida Normal?

agosto 17, 2008

Li hoje numa matéria sobre a ‘Lei Seca’ para quem vai dirigir, o relato de um instrutor de trânsito que colocou sua mulher para recaptular as aulas sobre a matéria, para que ele pudesse sair nos finais de semana, beber e ter uma vida normal.

O que o citado cidadão chama de ‘vida normal’ significa consumir álcool nas festas de aniversário e casamento que frequenta nos finais de semana sem problema quanto a volta para casa. Interessante – pra não dizer, triste – enxergar como ‘vida normal’ uma prática social que, associada ao ato de dirigir, aumenta devastadoramente o índice de mortes no trânsito.

Eis o exemplo do quanto um hábito condiciona a vida e a torna tão pequena quanto a incapacidade de se enxergar além em meio a um mundo de possibilidades.

Eu não tenho nada contra o consumo do álcool, nem poderia ter, apesar de não ser mais nenhuma ‘entorna todas’, assino embaixo dessa lei. Poucas vezes se vê bomsenso na política, quando acontece é importante apoiar. Apesar da atitude parecer impopular é um raro exemplo de coerência e respeito a Vida. 

Quem confunde o divertimento que uma festa naturalmente pode proporcionar com os efeitos relaxantes ou de euforia que o álcool produz – e somente assim de diverte – pode ser considerado um dependente psico-emocional. Infelizmente o exemplo não pára por aí, são muitos e variados. O dependente psíquico-emocional é a regra numa sociedade pré-moldada e globalizada, onde tribos e guetos não são mais pequenos redutos de revolucionários e alcançam a esfera dos bilhões.

Errata – Biblioteca Digital da Agência de Notícias – Obras de Domínio Público

junho 4, 2008

Eu havia repassado uma mensagem sobre a possibilidade de desativarem a Biblioteca Digital da Agência de Notícias. Acabei de deletá-la por que descobri que a informação não era válida. Não quero que ninguém perca tempo lendo informação que não leva a lugar algum.

No mesmo impulso e vontade de ajudar que tomou aqueles que me passaram a mensagem, repassei a informação assim que a recebi. Mas ao navegar pela Biblioteca não encontrei nenhuma menção sobre o desativamento. Resolvi enviar um email perguntando e obtive a resposta que reproduzo aí embaixo.

Vale a pena destacar que a Biblioteca é uma preciosidade e fiquei muito feliz em conhecê-la. Tanto que vai integrar a lista de Blogs/Site que mantenho à direita. O acervo de músicas em mp3, os livros e pinturas são maravilhosos! Você pode ver pinturas de Leonardo Da Vinci, ler os livros de Machado de Assis ou A Divina Comédia e ter acesso as histórias infantis da TV Escola. Só de literatura portuguesa são 732 obras! Aproveitem! http://www.dominiopublico.gov.br

Eu já virei fã. Segue a resposta da Biblioteca.

++++++++++++++++++++++++++++++++++++

Prezada Andrea, graças a seu interesse e participação, o Portal Domínio Público tem alcançado resultados cada vez melhores. Informamos que é falsa a notícia veiculada na internet sobre a possibilidade de desativação deste Portal, por suposto motivo de falta de acesso.

Atenciosamente, Sabrina Amorim Portal Domínio Público.

Milagres de Plástico e Consciência Interior

maio 17, 2008

A vida contemporânea expressa uma tal dicotomia, separação mesmo, entre os seres humanos e seu entorno que não é de se estranhar o surgimento de tanta doença de fundo psico-emocional e por conseguinte, a necessidade de terapeutas por uma total inadequação dos métodos medicinais de tradição alopática. A medicina tradicional não considera o sistema humano como um todo(holisticamente), invariavelmente ‘medicando’ partes do ser, excluindo ou não dando o devido valor aos fatores psicológicos e emocionais, mas à mecânica corporal. Como se nesta engenharia a psicologia e a emoção não fossem fatores fundamentais ao equilíbrio do corpo humano.

São inúmeras as descompensações fisiológicas identificadas na atualidade, que podem originar doenças. Um pequeno exemplo das mais comuns: o estresse, a hiperatividade, a obesidade, a ansiedade, a depressão, o transtorno bipolar (ex: psico-maníaco depressivo) que ainda está levantando sub-tipos do transtorno que reune manifestações como a própria depressão, hiperatividade e euforia.

Sem nos ater a nenhuma dessas expressões descompensadas da atualidade, podemos simplesmente observar que todas elas possuem algo em comum: o caráter obsessivo. Quando a conduta excessiva parece tentar nos conscientizar para o modo com o qual nos manifestamos, particularmente em sociedade.

Mas não é papel deste projeto, o Globalaio, discorrer sobre nenhum fato de maneira acadêmica, gostaríamos que o conhecimento fosse acessado por todos com simplicidade, pois ele também pode inspirar o que acreditamos ser fundamental ao desenvolvimento humano e que infelizmente, exceto raríssimos casos, não se aprende em colégios: estamos falando do autoconhecimento. Portanto, é fundamental que percebamos que tudo o que consumimos, de comida a jornal, da roupa a qualidade do ar, do refrigerante ao suco nativo, dos refinados aos produtos integrais, da luz solar ao reflexo da lua.. Tudo isso é uma questão de escolha e consciência e está nas mãos da Sociedade, muito mais do que nas mãos de qualquer Político.

Está nas mãos da Sociedade continuar usufruindo do Poder através do medo e da violência, da doença e das farmácias de esquinas.. Está nas mãos da Sociedade dizer Não à Política e Sim ao Ser Humano que está ao seu lado e Não ao contrário que é o que ocorre sistematicamente. Ou alguém ainda acha que o sistema funciona a contento Humano? Independente se: banco, previdência social, ministérios, educação, polícia.. Nenhuma destas instituições tem nos representado com dignidade, muito pelo contrário. São instituições representadas por Homens que trabalham contra outros homens, usufruindo de pequenos poderes em decisões que usurpam direitos universais! Somos colocados uns contra os outros e ainda defendemos nossos empregos e trabalhos com muito suor, a todo custo:

Suores de sangue e patologias infindáveis…

Homens contra Homens numa sociedade aonde : representam, investem e alimentam uma Política Canibal. Ou vai dizer que o INSS brasileiro não produziu muita doença psicossomática a galgar estágios crônicos, com a participação fundamental de homens contra homens? É assim que o sistema funciona, colocando uns contra outros, fazendo-nos acreditar que a melhor opção é pelo trabalho e salário, mesmo que indignos.

É o trabalhador, orientado pelo medo em não ter outra alternativa, quem constrói a sociedade e toda a miséria que produz um progresso bandeira de 9,5 entre 10 Políticos. Não seria o momento de transmutar os valores de nossas produções favorecendo Corações e Mentes? Não seria o momento de potencializar o progresso de nosso interior e ver refletido num mundo naturalmente melhor e digno?

Digo e repito: em conjunto tudo é possível. Inclusive entregar o nosso ouro (a nossa enenrgia vital e sangue) nas mãos de bandidos ou que seja: ingênuos. Esta é a nossa história! Caramba! Vamos virar esse jogo!

Todo Ser Humano é um oásis de sabedoria e vocações, mas investimos educação e trabalho em nossas misérias e contradições. Em conjunto e sem guerras(que é a linguagem dos outros..), naturalmente manifestando a nossa enorme diversidade através de uma consciência integrada: desmonta-se impérios.

Precisamos amadurecer a consciência igualitária como opção de vida. Este é o grande Poder que se encontra adormecido e totalmente dependente de um despertar das consciências em massa. Nada tem haver com a Educação fomentadora de uma sociedade dependente da filosofia política e econômica que aí se encontra.

O Poder está nas mãos da sociedade, depende dela: querer, desejar igualdade de condições amplamente difundida pelo mundo, ainda mais globalizado. Mas infelizmente ainda investem num mundo diverso à Natureza que temos em comum.

Passei muito tempo ouvindo que pessoas como eu são pouco práticas e muito românticas, pra agora ver o mundo começar a pender para o lado dos chamados românticos e a destronar os auto-proclamados realistas.. Especialistas das mais diversas modalidades, mas especialmente médicos que antes defendiam incisões a todo custo como a cesária que tornou-se mercado sem a menor necessidade humana, defendem hoje princípios rumo ao autoconhecimento sem a menor compreensão da filosofia que a prática requer e conduz. É difícil reconhecer, mas o sistema capitalista selvagem é de uma competência impressionante! Ele se adapta as novas consciências, ainda assim longe do espírito de equiparação humana, continuando após o retoque da marketagem, a produzir ‘milagres de plástico’ baseados em novas fórmulas sociais sem dar forma ao conteúdo da causa. Fraude! Assim atinge o objetivo de sempre : Alto-consumo – perpetuando a ilusão em bem bolado ritmo frenético. Se adaptam a tudo! E da inequívoca necessidade por maior qualidade de vida constroem mais uma bandeira em massa, codinome: razão social..

Efetivamente, no que tem ajudado essa tal razão social à uma sociedade cada vez mais doente, carente de recursos e ‘reais’ manifestações ao invés de representações?

É importante aprender com todos os lados e crescer com amplitude de consciência. Quem domina o mundo, independente de tudo o mais, domina a arte da adaptação. Em sociedade, além da força com a qual o Poder se reproduz, toda vez que crescemos em consciência e vislumbramos nos apropriar do que é nosso por natureza, os oponentes já leiloaram a nossa linguagem, uma vez que ao invés de nos mantermos unidos pela causa humana, nos degladiamos por interesses capitais.

Observem como o Dalai Lama é respeitoso em relação aos chineses, mesmo desprovido de sua terra. Isso é a linguagem do Amor em forma de Sabedoria. Este é o exemplo de uma Educação de caráter Humano e tenho certeza que o seu exemplo vai ser fundamental para a consciência libertária de seu povo – estando ele vivo ou não..

O fato é que realistas são os românticos, aqueles que investem em sonhos e na própria realidade, hoje transformada em disciplina acadêmica de interesse, como é o caso da investigação quanto a Subjetividade que tem tudo para promover maior sabedoria ao meio – matéria que há muito cientistas fiéis ao seu rico mercado mecanicísta, desdenhavam.

O fato acima de tudo é que, disputas não estão com a bola da vez, ao menos por aqui no Globalaio. Já na bolsa e em wall street a consciência ainda é outra. A grosso modo e em síntese, o que queremos dizer é que: o bom alimento espiritual e físico, sintetizado pelo Corpo, fornece energia que quando bem associada com regulares exercícios físicos e sol matinal, produzem um ser humano apto ao exercício da Vida.

Além de sermos o que comemos e consumimos em todos os aspectos, somos todos capazes de gerir a base de nosso equilíbrio fisiológico sem médicos, farmácias, etc. Mas um bom terapeuta pode ser uma ponte para o início do autoconhecimento, para que possamos enfim ser educados sob a filosofia da autonomia humana.

Milagres de Plástico acontecem todos os dias sob a batuta de um capitalísmo de enorme poder de adaptação. Se tomarmos a responsabilidade pelo que consumimos em toda a amplitude que este ato possa ter, privilegiaremos o Corpo por inteiro, transformando positivamente a saga de uma civilização que há muito agoniza pela devida manifestação expressiva.

É simples começar, não será fácil dar continuidade habituados que somos. Mas repito: em conjunto eu sou mais Todos nós. Através da distribuição do Poder através das responsabilidades assumidas por cada um de nós, há grandes chances de conquistarmos nossa autonomia baseada em diversidade e integração.