O Globalaio é…

Um espaço parecido comigo. De certa forma caótico, sensível, atento e disperso, palhaço, impulsivo, intenso, aconchegante, irritante, sonhador, intimísta, apaixonado, inquieto, inconstante, criança e imprevisível.

Aqui você encontra 

Escritos, ilustrações, rascunhos, artes variadas e notícias sobre oficinas.

Produzo desde 2003 oficinas de Arte e Meditação baseadas em experiências artísticas e a produção de roteiros, especialmente para história em quadrinhos. Atuo em espaços e ambientes dos mais diversos, adaptando as oficinas ao ambiente. Estivemos em escolas, centros culturais, residências artísticas, museus, orfanato, no aconchego de lares e numa igreja medieval que vive fechada (e cuja a chave pode ser encontrada no ‘bar’ do outro lado da rua).. Aprecio o ‘q’ mambembe das oficinas itinerantes. 

 

 

Andreaha San é bacharel em pintura, UFRJ, especialísta em psicologia junguiana, arte e imaginário e escritora desde que nasceu. Foi editora de vídeo na TV, design editorial e analista de comunicação. E sonha com docudramas e novas oficinas. Criou a ‘Ruido’ um dos primeiros multimídias brasileiro, selecionado pelo Prix Mobius francês. Em ‘Brinquedos’ mergulhou nas memórias de seu imaginário infantil, produzindo uma série de pinturas e oficinas. Seleção Bienal de Cerveira, Portugal. Brinquedos foi realizado entre a França, o Brasil e Portugal no período entre 2003 e 2005 com exposições e oficinas no Colégio Cruzeiro, Orfanato Santa Clara, Bienal de Cerveira, Espace André Chamnson, École Primaire Prés St. Jean. Subvenção da Fondation Frank Ténot, residência artística no Centro de Arte e Tecnologia Camac – Marnay-sur-Seine/França. Curadoria de Alex Klein. Apoio da Mediateca de Alès/Nîmes e da Unesco. Veiculação TVSeven e chanel Plus. Produziu ‘Eva Além Paraíso’: pintura, desenho e videoarte, questionando ‘o lado feminino da criação’ em residência artística na Association Artocarpe, Guadaloupe, Antilhas, 2010. Curadoria: Joelle Ferly. Produziu design cenográfico, video e objeto para a exposição: ‘Olhar o Céu, Medir a Terra’, Museu de Astronomia do RJ, 2012. Em 2015 criou a Pintura-Bijoux, espécie de talismã em forma de colar pintado à mão e energizado com deeksha. Atualmente escreve roteiro, se dedica aos estudos, reestrutura o projeto da pintura-bijoux, projeta oficina de HQ e sonha com docudramas.

 

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: